Antigo Testamento
Novo Testamento
Bíblia em Português (CAP)
← 37

Jó 38

39 →
1

Então, do seio da tempestade, o Senhor respondeu a Job e disse:

2

«Quem é esse que obscurece os meus desígnios com palavras insensatas?

3

Cinge os rins como um homem; vou interrogar-te e tu responder-me-ás.

4

Onde estavas, quando lancei os fundamentos da terra? Diz-mo, se a tua inteligência dá para tanto.

5

Sabes quem determinou as suas dimensões? Quem estendeu a régua sobre ela?

6

Sabes em que repousam as suas bases, ou quem colocou nela a pedra angular,

7

entre as aclamações dos astros da manhã e o aplauso de todos os filhos de Deus?

8

Quem pôs diques ao mar, quando, impetuoso, saía do seio materno,

9

quando Eu lhe dava por manto as nuvens, e o enfaixava com névoas tenebrosas?

10

Encerrei-o dentro dos limites que tracei, e pus-lhe portas e ferrolhos,

11

dizendo: ‘Chegarás até aqui; não mais além; aqui se quebrará o orgulho das tuas ondas.’

12

Alguma vez na tua vida deste ordens à manhã e indicaste o seu lugar à aurora,

13

para que ela alcançasse as extremidades da terra e expulsasse dela os malfeitores?

14

Modela-se a terra como o barro sob o sinete e tinge-se como um vestido.

15

Então, aos maus é recusada a sua luz, e o braço dos soberbos é quebrado.

16

Desceste até às fontes do mar e passeaste pelas profundidades do abismo?

17

Abriram-se-te, porventura, as portas da morte? Viste as portas da morada tenebrosa?

18

Consideraste a extensão da terra? Fala, se sabes tudo isso!

19

De que lado habita a luz? Qual é o lugar das trevas,

20

para que as conduzas ao seu domínio e lhes mostres as veredas da sua morada?

21

Deverias sabê-lo, pois já tinhas nascido e era já grande o número dos teus dias!

22

Penetraste nos depósitos da neve e visitaste os armazéns do granizo,

23

que Eu reservo para o tempo de angústia, para os dias de luta e de batalha?

24

Qual é a maneira como se divide o relâmpago, e por onde se expande o vento leste pela terra?

25

Quem abre o caminho aos aguaceiros e as rotas ao trovão,

26

para que chova sobre a terra e sobre o deserto desabitado,

27

para fecundar regiões vastas e desoladas, a fim de nelas fazer germinar a erva verdejante?

28

Terá a chuva um pai? Quem gera as gotas de orvalho?

29

De que seio sai o gelo? E quem produz a geada do ar,

30

quando as águas endurecem como pedra, e se congela a superfície do abismo?

31

És tu que atas os laços das Plêiades, ou que desatas as correntes de Orion?

32

És tu quem manda sair, a seu tempo, as constelações e conduz a Ursa Maior com os seus filhinhos?

33

Conheces as leis do céu? Acaso regulas as suas influências sobre a terra?

34

Levantas a tua voz até às nuvens, para que te cubram de águas abundantes?

35

A tua ordem faz surgir os relâmpagos, dizendo-te eles: ‘Eis-nos aqui’?

36

Quem deu sabedoria ao íbis, ou quem deu inteligência ao galo?

37

Quem pode contar as nuvens com exactidão e inclinar os odres do céu,

38

quando a terra se torna dura e compacta, e os torrões se aglomeram?

39

És tu quem caça a presa para a leoa e sacias a fome dos leõezinhos,

40

quando estão deitados nos seus covis, ou se escondem nas suas cavernas?

41

Quem prepara ao corvo o seu alimento, quando os seus filhinhos gritam a Deus e vagueiam em busca de comida?»

Portuguese Bible (CAP)
Public Domain: Capuchinhos